Enviado em 13.02.2019

Cancelar internet: veja como identificar usuários com essa tendência

É fato que ninguém mais fica sem internet, entretanto, podem ficar sem a SUA internet. Mas como identificar usuários com tendências ao cancelamento?

Não é possível conceber hoje uma civilização moderna que não tenha um mínimo de acesso a internet. Ela está nas casas, escolas, nos computadores pessoais, notebooks, tablets, smartphones, TV’s, carros e até nas geladeiras. Sendo assim, é impossível imaginar quem viva sem a uma conexão.

Realmente ninguém fica mais sem internet, mas isso não significa que os seus clientes não possam viver sem a sua internet. Com várias ofertas no mercado, a luta é para manter as assinaturas sempre renovadas e é sobre as chances do seu cliente cancelar internet fornecida pela sua empresa que queremos falar.

O contexto

2014 foi um ano marcante para os provedores de internet. Por um lado, a ONU declarava que o acesso ao serviço era direito fundamental do ser humano. Por outro lado, a ANATEL aprovou, dentre várias regras, a do direito de cancelamento do serviço sem a necessidade de o cliente ter que ligar diretamente para o call center.

Com essas novas regras, os provedores perderam uma grande possibilidade de tentar “segurar” seus clientes que tentavam um cancelamento de serviços via call center. A impossibilidade de negociação na hora da suspensão do serviço virou um pesadelo. Contudo, existem ainda algumas medidas a serem tomadas.

Pesquisa de satisfação

O primeiro passo é entender o que se passa com seu cliente. Ele está de acordo com os preços praticados? A conexão dele é estável? A velocidade atende à demanda?

Conhecendo as dores de mercado e sabendo se seu cliente está satisfeito com o serviço que você oferece, já é possível imaginar se ele pretende continuar fiel à sua empresa ou se anda pensando em pular fora do barco.

De olho nos números

Com certeza algumas informações gerenciais você precisa ter sobre o seu negócio. Dentre elas, consiga filtrar os indicadores que estejam mais voltados para o comportamento dos seus clientes.

Avalie tempo médio de contrato, pacotes com maior adesão, serviços que demonstram menor tempo de assinatura pelos clientes. A partir dessas informações, será possível começar a fazer algumas previsões.

As reclamações

Lembre-se também de analisar as reclamações. São muito importantes e podem dar a dimensão exata do que o seu cliente anda sentindo.

Além do volume de reclamações, concentre sua atenção em outros dois pontos chaves: a quantidade de retornos e contatos de um mesmo cliente (quanto maiores esses números, mais chances dele querer cancelar o serviço) e os principais motivos de pedidos de atendimento.

Quanto mais concentrados os tipos de reclamações, mais fácil é identificar os seus pontos fracos e mais rápida precisa ser a tomada de decisão para solucionar esses problemas.

Os novos contratos

Com certeza, a grande maioria de seus clientes está vindo de outro fornecedor. Isso significa que ele teve um motivo relevante o suficiente para ter o trabalho de cancelar um contrato, fazer uma pesquisa de mercado e aderir a outra solução.

Sendo assim, ele não irá querer ver este problema sendo repetido. Ainda mais porque o assunto é bem recente. Como bom gestor de TI, é importante que você aproveite esta oportunidade e investigue bem a situação, podendo assim tomar as providências necessárias que garantirão que o seu cliente não irá cancelar internet outra vez.

Para ficar mais informado sobre assuntos das áreas de TI e telecomunicações, siga-nos em nossas redes sociais. Temos sempre conteúdos que vão te ajudar a tomar as melhores decisões.

E-commerce especializado em soluções para provedores de internet.
No mercado desde 2009, atua em todo o território nacional, sendo referência de qualidade e bom atendimento.

Comentários