Enviado em 04.10.2017

CTO com 8 e 16 atendimentos, qual a melhor opção?

Esta pergunta muitas vezes tira o sono dos projetistas de redes FTTH. Como podemos determinar a melhor opção entre CTOs com 8 ou 16 atendimentos?

Esta pergunta muitas vezes tira o sono dos projetistas de redes FTTH.

Como podemos determinar a melhor opção entre CTOs com 8 ou 16 atendimentos?

Em outras palavras: gastamos mais com CTOs para economizar com cabo drop nas ativações de clientes? Ou economizamos com CTOs e gastamos mais com cabo drop nas ativações?

O que é melhor financeiramente?

A resposta imediata é “DEPENDE”!

Depende de fatores: como taxa de penetração desejada, tamanho do lote das casas, comprimento de abordagem de drop; valores pagos em CTO para 8 atendimentos, CTO para 16 atendimentos e cabo drop.

Entre os fatores citados acima, a taxa de penetração é o que tem maior impacto no consumo de drop; pois quanto menor a taxa de penetração definida para o projeto maior será o consumo de drop.

Independente de todos os outros fatores, lembre-se sempre: quanto menor a taxa de penetração, maior o consumo de drop.

Para ilustrar a afirmação acima, demonstraremos o consumo de drop para 4 cenários diferentes:

  1. Taxa de penetração de 100% utilizando CTO de 16 atendimentos.
  2. Taxa de penetração de 100% utilizando CTO de 8 atendimentos.
  3. Taxa de penetração de 50% utilizando CTO de 16 atendimentos.
  4. Taxa de penetração de 50% utilizando CTO de 8 atendimentos.

Adotaremos as seguintes premissas:

  •  Lotes das casas com frente de 10 m.
  • Comprimento de drop para abordar as casas de 10 m.
  •  Cálculo aproximado, não considerando distância entre postes.

Com o resultado deste estudo, mesmo sendo um cálculo aproximado, teremos uma indicação da melhor opção entre CTO com 8 ou 16 atendimentos.

Tudo pronto, vamos aos cálculos:

Neste cenário, 100% de taxa de penetração com uma CTO para o atendimento dos 16 clientes; calculamos o consumo total de drop em 480 m.

Neste cenário, novamente com 100% de taxa de penetração, mas agora com duas CTOs cada uma atendendo 8 clientes; calculamos o consumo total de drop em 320 m.

Para o 3º cenário, 50% de taxa de penetração com uma CTO para o atendimento dos 16 clientes; calculamos o consumo total de drop em 800 m.

Para o 4º cenário, 50% de taxa de penetração com duas CTOs para atendimento de 8 clientes; calculamos o consumo total de drop em 480 m.

Abaixo tabela com os resultados obtidos:

Pela análise da tabela abaixo, concluímos:

  • Para taxa de penetração de 100% provavelmente SEJA INVIÁVEL o uso de duas CTOs de 8 atendimentos para reduzirmos o consumo de drop em 160 m.
  • Para taxa de penetração de 50% provavelmente SEJA VIÁVEL o uso de duas CTOs de 8 atendimentos uma vez que a redução do consumo de drop agora é de 320 m.

Respondendo à pergunta inicial, qual a melhor opção entre as CTOs de 8 e 16 atendimentos?

A resposta continua sendo o depende…depende da taxa de penetração!

Embora  a resposta seja o “depende”, acredito que as regras abaixo possam auxiliar na maioria dos casos.

Lembre-se, estas conclusões referem-se as premissas de lotes das casas com frente de 10 m e comprimento de drop para abordar as casas de 10 m.

Caso suas premissas de projeto sejam muito diferentes, refaça os cálculos e decida pela melhor opção.

Veja o vídeo abaixo e bons projetos!

Ronaldo Couto – Diretor Executivo da Primori. Empresa dedicada a treinamento e consultoria para provedores de internet que desejam implantar suas redes ópticas, com foco em tecnologias de FTTx.

A Revista do Provedor! Fornecemos conteúdo de qualidade, especializado, produzido por grandes nomes do setor de telecomunicações, e tudo isso gratuitamente por meio das mais de 2 mil publicações impressas por edição, além da versão online.

Produtos relacionados

Comentários